Ligações rápidas

Horário de Funcionamento:
Segunda, Quinta e Sexta
15:00 / 20:00

Sábados e Domingos
11:00 / 18:00

 

 

Áreas Principais

»

«

 

 

Sete setes desvendei – 7 anos de abertura da Casa da Achada

sete-setes-desvendei-pequeno

A associação Casa da Achada – Centro Mário Dionísio faz oito anos de existência. E a Casa da Achada  está de porta aberta a toda a gente há sete anos. Comemoramos estes sete no dia 1 de Outubro, para uma tarde de convívio e festa: Sete setes desvendei.

Nesse dia, inauguramos uma nova exposição  – «Mário Dionísio: Correspondências» -, e propomos uma conversa com associações e colectivos para discutir como sobreviver, participar e intervir na  sociedade actual, a pensar num mundo ao contrário.

Também haverá canções pelo coro da Achada e uma leitura colectiva com projecção de imagens. Um novo ciclo – a partir da Autobiografia de Mário Dionísio – começa agora. E ao mesmo tempo comemoramos os sete, sem vergonha. Haverá comes e bebes para não festejar de estômago vazio e podes trazer alguma coisa para ajudar à festa.

“Sete setes desvendei” é um verso de uma canção do Zeca Afonso. Achámos que servia bem para os sete anos de uma associação onde se faz, partilha, edita, expõe, debate, trabalha e questiona, de portas abertas. A pensar que é preciso desvendar muito mais. Venham mais sete!

Deixe um comentário

 

voltar às notícias

André Spencer e F. Pedro Oliveira para Casa da Achada - Centro Mário Dionísio | 2009-2017